domingo, 8 de julho de 2012

Um português junta-se ao sul africano










When I read this headline of “Correio da Manhã” (“Let us dig the site’ - South African businessman challenges Robert Murat”) my first thought was that Mr. Stephen Birch is mentally challenged, as people say in USA.


http://www.cmjornal.xl.pt/noticia.aspx?channelId=00000181-0000-0000-0000-000000000181&contentId=B0A37967-EE61-4558-B442-BEB32ABE4F69


There is no legal system in any country of the world where a citizen must prove that he is innocent, just because other citizen accuses him of something. First, the proper authorities must collect enough (and solid) evidence to accuse him, than take him to court and give him the right to challenge the evidence.


But when I remember the preposterous remarks of Mr. António Teixeira, a former high ranking PJ inspector, siding with a lunatic and a mentally retarded person, I believe that the reasons for the “Birch Operation” to be launched now and with such a careful planning and a large amount of logistical and financial support can’t be explained only through the diagnostic of a psychiatrist. 


http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/portugal/ex-inspector-chefe-da-pj-quer-reabertura-do-processo-de-maddie


Em googlenglish:


Quando eu li este título do "Correio da Manhã" ("Vamos escavar o quintal - Sul Africano desafia empresário Robert Murat") o meu primeiro pensamento foi que o Sr. Stephen Birch estava com problemas mentais, como se diz nos EUA.

Não existe um sistema legal em qualquer país do mundo em que um cidadão deva provar a sua inocência , só porque outro cidadão o  acusa de alguma coisa. Primeiro, as autoridades competentes devem recolher  suficientes (e sólidas) provas para acusá-lo, do que levá-lo primeiro  a tribunal e dar-lhe o direito de contestar as provas.

Mas quando me lembro  declarações absurdas do Sr. António Teixeira, um ex-inspector da PJ de alto nível, a tomar partido com uma pessoa lunática e um deficiente mental, eu acredito que as razões para a "Operação Birch" surgir agora e com um tal cuidadoso planeamento e com  um enorme apoio logístico e financeiro não pode ser explicada apenas através do diagnóstico de um psiquiatra.