quarta-feira, 28 de março de 2012

"pobre "casal McCann








 imagem "roubada" daqui




Justiça dos pobres

O governo britânico ganhou dois novos opositores: o casal Kate e Gerry McCann,
pais de Madeleine, a garotinha que sumiu em 2007 em Portugal. Eles mandaram uma carta para o primeiro-ministro, David Cameron, pedindo que reveja os seus planos de reforma na assistência judicial. O governo propôs o corte de 350 milhões de libras (cerca de R$ 1 milhão) da assistência judicial e mudanças no sistema no win no fee, que é o que hoje garante que qualquer um possa ir à Justiça e não tirar um tostão do bolso, caso perca a ação.
Justiça dos pobres 2

O casal McCann argumenta
que se as propostas forem postas em prática, os mais pobres vão ficar excluídos da Justiça em casos como o de difamação, já que não terão nem assistência judicial do governo e nem poderão contratar um advogado. As propostas estão sendo analisadas nesta terça-feira (27/3) na House of Lords, o equivalente britânico do Senado brasileiro.