quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

VERGONHA!

 ...saiu, cerca das 17:20 do tribunal de Lousada, protegido por militares da GNR para evitar que fosse agredido por populares que se concentraram à porta do tribunal.



             
"A justiça é uma vergonha", "é injusto", "a justiça não foi feita" foram algumas das palavras de ordem gritadas pelas várias dezenas de populares que se juntaram hoje à tarde à porta do tribunal e que obrigaram a GNR local a reforçar a segurança em redor do arguido.
Diário Digital / Lusa
Enviar um comentário