domingo, 26 de junho de 2011

129,129,129...........


http://paramimtantofaz.blogspot.com/2007/11/maddie-129-descodificado.html


20071110

O "Maddie 129" descodificado


O livro é um trabalho jornalístico sobre os 129 dias que os McCann estiverem em Portugal desde o desaparecimento da filha até ao momento em que partiram para Inglaterra, dois dias após terem sido constituídos arguidos. O Hernâni, sabendo que, às vezes (apenas às vezes), sou capaz de descobrir pistas que passam despercebidas aos olhos de muita gente e de também identificar significados ocultos onde ninguém sonha vê-los, desafiou-me a "descodificar" este livro. Aceitei o repto. Nota-se que a capa é uma calçada. Começa por haver uma luz no alto e acaba na mais profunda escuridão no fundo, como que se algo estivesse enterrado debaixo daquelas pedras. É um trabalho interessante do autor da capa, de seu nome Luís Paixão. Até aqui, nada de especial...
Ao olhar com mais atenção para a capa, contudo, reparei na estranha mensagem que surgiu quando se faz a divisão das seis letras do diminuitivo da menina desaparecida. Foi algo que sempre estivera à nossa frente, mas nunca tinha reparado até este momento em que vi as letras brancas debaixo daquele fundo negro...

E será que os números 1, 2 e 9 também encerram algum significado oculto?

Constatei depois que existe ainda uma daquelas coincidências "divinas" quando, na página com o mesmo número do título, 129, surge a citação da Bíblia que Kate estava a ler e que tanto intrigou a nossa Polícia Judiciária...
Enviar um comentário